O uso BPM para alavancar as organizações

Sessão: BMP - Gestão de Processos | Em: 01/02/2020 | Lida: 863 vezes | Postado por: Mauro Fernando Romero

O Gerenciamento de Processos de Negócio (BPM – Business Process Management) é uma disciplina gerencial que trata processos de negócio como ativos da organização, integrando as estratégias e os objetivos organizacionais com as expectativas e necessidades dos clientes.

A experiência nos tem mostrado que, sem comprometimento organizacional, é improvável, ou quase impossível que ocorra um amadurecimento efetivo das práticas e benefícios de BPM. Em organizações onde não existe o “suporte” de valores, crenças, liderança e cultura (pilares do BPM), mesmo que existam profissionais com proficiência em BPM, ferramentas e tecnologias habilitadoras, é pouco provável que se alcance o sucesso no uso do BPM. Daí a importância de uma liderança forte e com a autoridade necessária para implementar as mudanças que levarão ao tão esperado sucesso. É preciso investir para ampliar a capacidade de negócio, atribuir novos papéis, definir as responsabilidades necessárias e considerar que existe uma curva de maturidade de desenvolvimento da metodologia na organização. Além disso, não se pode esquecer que a adoção do BPM na organização é uma decisão estratégica e requer patrocínio da liderança executiva.

O principal propósito de uma organização, seja ela pública ou privada, tenha fins lucrativos ou não, de micro ou grande porte, é gerar valor para o cliente, por meio de seus produtos e serviços. É para isso que as organizações existem e, dessa forma, seus objetivos devem estar conectados a essa entrega de valor. E os meios pelos quais os produtos e serviços são criados e entregues, são os processos de negócios.

Uma vez que seja implementado com sucesso, BPM se integra e promove uma transformação cultural da organização, moldando a forma como o negócio opera e proporcionando uma forma mais eficiente e eficaz de gerenciar seus processos de negócio. Para isso, é necessário que a organização possua, não só, tecnologias apropriadas, mas principalmente, métodos otimizados e pessoas devidamente preparadas.

Algo que precisa ser devidamente compreendido é que, não é por se adotar BPM que as coisas vão passar a funcionar perfeitamente e tudo vai se resolver num passe de mágica. O gerenciamento dos processos de negócio deve acontecer num ciclo contínuo e permanente. Várias atividades são necessárias para que isso aconteça, tais como: planejamento, análise, modelagem, desenho, medição de desempenho e transformação de processos. É preciso que haja continuidade e ciclos constantes de feedback, para garantir o alinhamento dos processos de negócio com a estratégia organizacional e com a necessidade do cliente.

Existem muitas maneiras de se utilizar a metodologia BPM e a notação BPMN, normalmente cada profissional tem seu próprio estilo. Muitas empresas tem padrões e normativos já estabelecidos sobre um uso mais adequado da notação para desenhar seus processos em seus ambientes. Mas sempre vale a pena procurar melhorar continuamente esses padrões e aprimorar as boas práticas na modelagem.

Finalmente, utilizar todo o potencial do BPM nas organizações certamente irá alavancar os resultados da organização, promover uma melhor alocação de recursos (dinheiro, tempo, recursos, esforços), diminuir desperdícios do processo e permitir maior adequação às tendências de mercado. Contudo, temos que levar a sério essa disciplina e não desistir nas primeiras dificuldades que forem encontradas no caminho.




Leia também nesta sessão ...
BPM: você sabe a importância para a sua empresa?
O que é gerenciamento de processos de negócios?
Processos estratégicos: o que são e como estruturá-los utilizando indicadores de desempenho
Gestão da mudança em organizações



O uso BPM para alavancar as organizações | PrintPIX

Fale conosco