WEB Consulting & Design

Por que ter e qual a estrutura de um site vendedor?

Ainda não está convencido da necessidade de ter um site profissional para o seu negócio ou tem dúvidas quanto a estrutura de um site ideal? A partir de janeiro de 2019 já éramos mais de 4 bilhões de usuários conectados em todo o globo, consumindo em média seis horas e quarenta e dois minutos dos nossos dias na internet. Isso significa que dos 365 dias do ano, 100 deles nós passamos conectados à internet. A rede mundial de computadores mudou a nossa cultura, hoje pagamos contas, fazemos compras e pedimos comida online. Agora avalie quantos potenciais clientes do seu negócio estão navegando na internet neste exato momento e não estão encontrando a sua empresa.

Quem não é visto não é lembrado, quem não é lembrado não vende!

A solução para este problema é marcar presença online para ser encontrado, no entanto, não basta apenas produzir um site e esperar que os mecanismos de pesquisa façam o restante. Para que você seja encontrado pelo seu público alvo o seu site precisa ser bem estruturado.
Afinal, uma empresa que não é facilmente encontrada no Google, simplesmente não existe.

Por que ter um site para o meu negócio?

Não ser encontrado na internet nos tempos atuais é o mesmo que não ter o número de telefone da sua empresa relacionado na lista telefônica nos anos 2000.
Os tempos mudaram e os canais também, no entanto as necessidades do seu negócio continuam as mesmas. Afinal, que empresa não tem como objetivo macro vender e faturar mais?
A solução, para aumentar as vendas do seu negócio é estar online através de um site. Pense no site do seu negócio como um vendedor online, ou melhor, o vendedor ideal, já que ele irá trabalhar pelo seu negócio 24 horas por dia, 7 dias por semana.
No entanto, ter um site de negócios ainda não está na lista de prioridades da grande maioria das empresas.

Quais as principais objeções das empresas?

Quando o assunto é produzir um site, grande parte dos empreendedores possui justificativas e argumentos do porque não precisam estar na internet.
Abaixo nós compilamos as principais objeções e os motivos que tornam essas justificativas meras desculpas:

1. Meu negócio é local, não realizamos vendas online
Tenha em mente que não são apenas lojas virtuais que podem realizar vendas online. Todo e qualquer negócio deve ter sua presença na internet consolidada.
Além disso, a longo prazo como você espera manter os rendimentos do seu negócio vendendo sempre para os mesmos clientes?

2. Já tenho um Facebook para o meu negócio
Jamais construa seu negócio sobre o terreno dos outros!
Enquanto que com um site você irá construir a sua audiência sobre um domínio próprio, no Facebook você está apenas alugando um espaço para estar visível.
Quem nos garante que o Facebook ainda irá existir amanhã? Já pensou que prejudicial para o seu negócio será perder tantos seguidores da sua marca quando as redes sociais serem aniquiladas?
Com um site, além de você construir o seu negócio sobre um domínio próprio, com o nome da sua empresa, você poderá trabalhar e conquistar um bom posicionamento nos resultados orgânicos do Google, por exemplo, que é um dos mecanismos de busca mais usados pelos usuários.

3. Minha empresa é pequena, não preciso
Nenhuma empresa é pequena o suficiente que não possa crescer!
O objetivo do seu negócio é permanecer por toda vida pequeno? Você não pensa em expandir o seu alcance? Aumentar as suas vendas? Crescer a sua audiência e a sua cartela de potenciais clientes?
É quase improvável que você tenha planejado que o seu negócio permaneça pequeno. Afinal, todo, ou pelo menos quase todos os empreendedores, lutam e esperam o crescimento do seu negócio.

Quais os benefícios de produzir um site para o meu negócio?

Sabemos bem que o objetivo macro de qualquer empresa é gerar vendas, e sem dúvida alguma esse é o primeiro benefício do seu negócio marcar presença na internet.
No entanto, existem muitas outras vantagens para o seu negócio:

Á frente dos concorrentes
Jamais espere os seus concorrentes darem o primeiro passo para que você tome uma atitude.
O fato dos seus concorrentes ainda não estarem na internet não deve ser um motivo ou justificativa para você procrastinar a produção de um site para o seu negócio.
Ao contrário, aproveite essa brecha para se antecipar à concorrência. Assim quando os seus concorrentes perceberem a importância de marcar presença na internet, o seu negócio já estará lá colhendo os frutos.

Mais visibilidade e sem barreiras
A barreira física talvez seja um dos maiores obstáculos para uma empresa se expandir e lucrar mais.
Marcando presença na internet por meio de um site, o seu negócio não terá limites físicos para impedir o seu crescimento e por consequência poderá alcançar novos mercados e uma nova audiência.
Faça um exercício, imagine seu negócio local se transformar em um negócio nacional, que dirá mundial!

Credibilidade e profissionalismo
Você conhece alguma marca de sucesso que não tem um site?
A resposta será sem sombra de dúvidas, não.
Isso porque um site profissional bem estruturado transmite credibilidade e profissionalismo para o seu negócio.
Afinal, quem irá realizar negócios com uma empresa que não transmite credibilidade ou impõe segurança?

Marketing de conteúdo
Com um site bem estruturado o seu negócio pode passar a trabalhar com marketing de conteúdo, atraindo e capturando os seus potenciais clientes sem que haja a necessidade de prospecção fria.
Quer saber mais sobre marketing de conteúdo e como ele pode ajudar o seu negócio a conquistar mais clientes e por consequência aumentar as suas vendas?

O que saber antes de produzir o site do meu negócio?

Antes de dar play no projeto de desenvolvimento do site do seu negócio você precisa entender os principais fatores levados em consideração para determinar se o seu site é bem estruturado:

Estratégia de SEO
Search Engine Optimization também conhecido como SEO é um conjunto de técnicas usadas por mecanismos de busca, como o Google para ranquear os melhores sites nas primeiras posições das buscas orgânicas.
Mas, porque ranquear nas primeiras posições orgânicas do Google é importante?
Simplesmente porque as três primeiras posições do Google capturam em média 34,36% das pesquisas realizadas.

Responsivo
Sites responsivos são aqueles projetados para se ajustar perfeitamente em todos os dispositivos, inclusive em dispositivos móveis como smartphones e tablets.
Ter um site otimizado para dispositivos móveis já não é mais vaidade, logo que os smartphones continuam sendo o principal meio de acesso a internet, com 97% dos usuários utilizando.

HTTPS - conexão segura
Além de não transmitir credibilidade, sites que não possuem um certificado digital estão sendo penalizadas pelo Google e por consequência perdendo posições nas buscas orgânicas.
Esses são apenas alguns dos fatores, existem muitos elementos e aspectos que você deve considerar, como por exemplo, por que não produzir o site do seu negócio em plataformas free.

Por que não escolher um site gratuito?

Dê início, produzir um site gratuito pode parecer uma boa opção para o seu negócio, no entanto, existem inúmeros riscos camuflados em sites grátis, confira algumas ameaças.

  • Não são responsivos;
  • Possuem design limitados;
  • Não são amigáveis para SEO;
  • Não possuem suporte;
  • São lentos;
  • Não passam profissionalismo;
  • Possuem nomes de domínio padrão;
  • Não possuem backup dos dados;
  • Não tem um código otimizado;
  • Os recursos são limitados.
  • Existem muitos outros riscos ocultos em sites gratuitos, logo investir em um site pago é indispensável. No entanto é natural que serviços melhores cobrem preços mais altos, mas que também ofereçam mais garantias. Sendo assim é indispensável ficar atento à vários fatores antes de escolher qual empresa será contratada e qual o software mais adequado para realizar o desenvolvimento do site do seu negócio. Afinal, o objetivo de ter um site é a possibilidade de expor seus produtos e serviços de forma que os seus visitantes sintam-se atraídos e façam contato com o seu negócio.

    Quando você decidir criar ou readequar o site da sua empresa, conte conosco!



    Leia também...



    Fale conosco